Loading...
Blog
02
03
2020

Cuide do seu cabelo e unhas com os alimentos certos

Optar por uma dieta mais nutritiva e natural é o método mais eficaz para melhorar a saúde dos cabelos e unhas. Para além disso, é muito mais económico e seguro do que investir em tratamentos estéticos . No cardápio não podem faltar alimentos ricos em proteínas, boas gorduras, vitaminas e minerais e devemos ingerir uma quantidade adequada de água durante o dia para manter o corpo hidratado. Devemos evitar alimentos processados e industrializados que contêm na sua composição açúcar e sal, pois podem afectar os seus cabelos e unhas tornando-as mais fracas quebradiças reduzindo o crescimento.

Alimentos benéficos:

Aumentar a ingestão de peixe e sementes

Para manter um cabelo saudável e prevenir a queda é importante consumir alimentos ricos em ômega 3 como o salmão, sardinha, arenque, atum, sementes de chia e linhaça.

Os alimentos ricos em ômega 3 têm um elevado poder anti-inflamatório e alguns estudos indicam que podem ser benéficos  para a alopécia, uma doença inflamatória que provoca perda rápida e repentina de cabelo.

 

Ingerir mais quantidade de vitamina A

O consumo de alimentos como cenouras, tomate, melão, papaia, pimentão, beterraba ou espinafres é fundamental para o crescimento saudável do cabelo, devido ao seu alto teor de vitamina A.

Esta vitamina é um potente antioxidante, que evita o enfraquecimento do cabelo, através da prevenção de danos nos folícos pilosos provocados pelos radicais livres.

 

Consumir frutas cítricas

A ingestão de alimentos ricos em vitamina C, como a laranja, a tangerina, o abacaxi, o morango, o kiwi ou o limão, é essencial para a produção de colágenio, uma proteína que faz parte da estrutura dos fios de cabelo.

Para além disso, a vitamina C tem uma elevada capacidade antioxidante e também ajuda o organismo a absorver melhor o ferro, fundamental para o crescimento do cabelo.

 

Aumentar o consumo de frutos secos

Os alimentos como o amendoim, a avelã, a amêndoa, a aveia, as nozes ou o caju são ricos em biotina, uma vitamina do complexo B,  importante para o desenvolvimento do folículo piloso, prevenindo a calvície.

 

Ingerir alimentos ricos em minerais

Incluir na dieta alimentos como o feijão, ovo, beterraba ou fígado, estes fornecem a quantidade de ferro necessário para melhorar a saúde do cabelo. Pelo contrário, a sua deficiência está associada à queda, já que o ferro ajuda na oxigenação dos tecidos do couro cabeludo.

Outro mineral importante é o zinco, que tem o papel importante no crescimento, desenvolvimento e reparação dos fios de cabelo. A sua deficiência pode fazer com que o cabelo se torne fino, quebradiço e sem brilho.

 

Incluir carne na dieta

As carnes, tanto brancas como vermelhas, além de conterem na sua composição, boas quantidade de proteínas e aminoácidos, que são essenciais para o cabelo, também fornecem colágenio, que é muito importante para a estrutura, firmeza e elasticidade do cabelo.

O colágenio pode ainda ser utilizado na forma de suplemento alimentar diário, na forma de cápsulas, sob orientação de um médico ou nutricionista.

Este tipo de alimentação deve ser mantida durante pelo menos 3 meses, para permitir o fortalecimento do cabelo e unhas. Contudo, se mesmo assim, continuar a notar queda de cabelo e fragilidade capilar, deve consultar um dermatologista ou um médico de clinica geral, pois pode ser sinal de algo patologíco como alopecia androgénica, anemia ou hipotiroidismo.

 

 

Referências Bibliográficas:

 https://advancecare.pt/artigos/saude-e-bem-estar/queda-de-cabelo-a-culpa-podera-ser-da-sua-alimentacao

https://www.mundolusiada.com.br/gastronomia/como-a-alimentacao-pode-influenciar-na-saude-da-pele-unhas-e-cabelos/

Comentário
0

Leave a reply